BLOG DA VIZCAYA / Dicas  / Cabelo na menopausa: veja o que é bom para os fios nessa fase!
4 abr

Cabelo na menopausa: veja o que é bom para os fios nessa fase!

cabelo na menopausa

Com a entrada na menopausa, é normal que as mulheres passem por transformações no corpo devido às mudanças hormonais. Pensando nisso, nós da Vizcaya selecionamos algumas dicas para cuidar do cabelo na menopausa para mantê-lo mais resistente à queda e mais volumoso. Confira a seguir!

O cabelo na menopausa muda?

Sim, o cabelo na menopausa muda! Por isso, é normal notar uma diminuição no volume, espessura e resistência dos fios. 

Isso porque, com o passar dos anos, os cabelos vão enfraquecendo gradualmente e o envelhecimento capilar se acelera drasticamente, processos que podem afetar a nossa autoestima e saúde mental

O volume diminui e isso pode levar as mulheres a experimentarem uma súbita queda na autoconfiança e feminilidade. Afinal, a maioria das mulheres sonha com cabelos com mais volume, mais fortes e mais espessos. 

👉 Saúde mental afeta o cabelo? Entenda como funciona essa relação!

Principais mudanças no cabelo durante a menopausa

É importante saber as mudanças mais significativas no cabelo durante a menopausa. São elas:

  • Afinamento dos fios: o estrogênio desempenha um papel fundamental na saúde capilar, mantendo os fios grossos e fortes. Com a diminuição dos níveis de estrogênio, os cabelos podem se tornar mais finos e frágeis.
  • Ressecamento: além disso, o estrogênio contribui para a manutenção da hidratação dos cabelos. Com a redução dos níveis desse hormônio, os fios tendem a ficar mais ressecados e suscetíveis à quebra.
  • Queda de cabelo: a queda capilar é um sintoma comum da menopausa. Ela pode ser atribuída à diminuição hormonal, mas também pode ser influenciada por outros fatores, como estresse, predisposição genética e condições de saúde.
  • Crescimento mais lento: durante a menopausa, o crescimento do cabelo pode tornar-se mais lento em comparação com períodos anteriores.

O que a menopausa causa no couro cabeludo?

Além das mudanças do cabelo na menopausa, é necessário saber que existem algumas alterações que ocorrem também no couro cabeludo

Durante a menopausa, é comum que as mulheres experimentem uma pele mais seca, e o couro cabeludo não é exceção. A diminuição dos níveis de estrogênio reduz a produção de sebo, resultando em um aspecto mais ressecado. 

Além disso, a taxa de renovação celular da pele diminui e os folículos capilares enfraquecem. Como resultado, é frequente que as mulheres em menopausa enfrentem alguns problemas, como:

  • caspa, com a presença de pequenos flocos brancos;
  • coceira persistente no couro cabeludo;
  • queda de cabelo ou alopecia padrão feminino;
  • aumento da sensibilidade ou propensão à irritação.
cabelo na menopausa

Reprodução: Pinterest

O que é bom para o cabelo na menopausa? 10 dicas!

Afinal, o que é bom para o cabelo na menopausa? Separamos algumas dicas que podem ajudar nessa fase capilar, para amenizar as mudanças e aumentar mais a autoestima das mulheres. Confira:

1. Usar produtos específicos

Opte por utilizar shampoo e condicionador desenvolvidos especialmente para cabelos finos e frágeis. Esses produtos possuem formulações suaves que limpam delicadamente, preservando a hidratação natural dos fios e prevenindo o ressecamento.

2. Realizar exercícios físicos

Mantenha uma rotina regular de atividades físicas, como caminhada, ciclismo ou corrida. Além de contribuir para a regulação dos hormônios corporais, a prática regular de exercícios ajuda a reduzir os níveis de estresse e promove um crescimento capilar saudável.

3. Utilizar protetor térmico

Antes de utilizar qualquer ferramenta térmica, como secadores, chapinhas, escova secadora ou babyliss, aplique um protetor térmico nos cabelos. Esse produto forma uma barreira protetora, prevenindo danos causados pelo calor excessivo e preservando a saúde dos fios.

Com sua proteção térmica de até 230ºC, nossa sugestão é o Leave In Multi Frizz Control da Vizcaya. Ele mantém os cabelos disciplinados e livres de frizz, gerando uma sensação de leveza. 

4. Ter uma alimentação balanceada

Adote uma alimentação rica em proteínas, cálcio, magnésio e selênio. Inclua alimentos como frutos-do-mar, castanha do pará, arroz e feijão em sua dieta para promover a saúde dos cabelos e estimular o crescimento capilar.

5. Realizar tratamentos capilares

Realize tratamentos capilares semanais, como máscaras de hidratação e aplicação de óleos nutritivos. Esses procedimentos fortalecem os fios, mantêm a saúde do couro cabeludo e proporcionam um aspecto mais saudável aos cabelos.

cabelo na menopausa

Reprodução: Pinterest

6. Fazer massagem no couro cabeludo 

Aplique uma mistura de óleos essenciais para massagear suavemente o couro cabeludo. Esse processo melhora a circulação sanguínea, nutre os folículos capilares e promove o crescimento saudável dos fios.

7. Usar shampoo com ingredientes potentes

Escolha shampoos enriquecidos com ingredientes como biotina, d-pantenol e vitamina B6. Esses componentes ajudam a reduzir a queda de cabelo e fortalecem os fios, deixando-os mais resistentes e saudáveis.

Experimente o Shampoo Essence Care da Vizcaya para uma limpeza suave e hidratante. Sua fórmula conta com ingredientes como ácido hialurônico, d-pantenol, vizbeauty* (um complexo de vitaminas), água termal e brilho complex* (uma tecnologia inteligente para retexturização da fibra capilar). Esses componentes nutrem profundamente o couro cabeludo.

👉 Água termal: os benefícios e como usar na sua rotina!

8. Usar condicionador nos fios

Antes de se expor ao sol, água da piscina ou do mar, aplique condicionador nos cabelos para protegê-los contra danos externos. Essa prática ajuda a manter a integridade dos fios, prevenindo o enfraquecimento e ressecamento.

9. Controlar o estresse

Controlar o estresse é fundamental para a saúde do cabelo. Um estilo de vida agitado pode ter impactos negativos nos fios. O estresse excessivo pode levar a desequilíbrios hormonais, reduzindo a produção de estrogênio. 

Isso não apenas afeta o humor, podendo levar a ansiedade e depressão, mas também aumenta o risco de queda de cabelo.

10. Ter cuidados extras

Evite penteados que exerçam pressão excessiva nos cabelos e prefira deixá-los secar naturalmente sempre que possível. Além disso, minimize o uso de chapéus ou bonés por longos períodos, pois o acúmulo de calor e umidade pode prejudicar a saúde dos fios.

O que muda no cabelo após a menopausa? 

É comum que a queda de cabelo diminua após a menopausa, mas raramente desaparece completamente e os cabelos podem permanecer mais finos e frágeis.

Sendo assim, após a menopausa, quando os níveis hormonais se estabilizam, é esperado que a queda de cabelo diminua. Caso o problema permaneça na mesma proporção, o ideal é procurar um médico especialista.

Agora você sabe como cuidar do cabelo na menopausa. Conte com os produtos capilares da Vizcaya que oferecem diversos benefícios para os seus fios!