BLOG DA VIZCAYA / Dicas  / Caspa ou couro cabeludo ressecado:qual a diferença e como tratar cada problema?
6 out

Caspa ou couro cabeludo ressecado:qual a diferença e como tratar cada problema?

Caspa no cabelo ou couro cabeludo ressecado: qual a diferença e como tratar cada problema?

O couro cabeludo descamando pode causar constrangimento. Quem nunca se envergonhou por causa dos pontinhos brancos na camisa escura? A descamação é apenas um dos problemas que acompanha a caspa ou o couro cabeludo ressecado. Apesar de sintomas parecidos, a caspa no cabelo e o couro cabeludo ressecado têm causas diferentes. Descubra abaixo qual a diferença entre caspa e o ressecamento do couro cabeludo e entenda o que fazer para lidar com cada um dos problemas:

 

O que é caspa no cabelo?

A caspa (também conhecida como dermatite seborreica) é uma inflamação da pele que se manifesta em partes do corpo onde existe a maior produção de óleo pelas glândulas sebáceas, como couro cabeludo, sobrancelhas, barba e até nas costas. Suas principais características são lesões avermelhadas, que descamam e coçam, e podem se soltar.

As causas da dermatite seborreica são desconhecidas. Mas é importante saber: a caspa não é contagiosa! A inflamação pode ter origem genética ou ainda ser desencadeada por agentes externos, como alergias, situações de estresse emocional, baixa temperatura, consumo de álcool, alguns tipos de medicamentos e excesso de oleosidade.

 

O que é couro cabeludo seco?

Descamação, manchas vermelhas e coceira no couro cabeludo são sinais de que a região está ressecada. Os sintomas são bem parecidos com a caspa. Então como saber se é caspa ou ressecamento?

 

Como tratar ressecamento no couro cabeludo

Para tratar o  couro cabeludo ressecado use e abuse de shampoos nutritivos, como o Shampoo Nutri Intense, de Vizcaya. O produto tem a fórmula enriquecida com oito tipos de óleos vegetais que nutrem profundamente os fios e o couro cabeludo.

 

Condicionador Nutri Intense - Vizcaya Cosméticos

Condicionador Nutri Intense – Vizcaya Cosméticos

Para tratar o ressecamento do couro cabeludo, vale ainda investir no Hair Oiling ou em tratamentos nutritivos com máscaras ou óleos vegetais puros.

 

Como tratar a caspa no cabelo

Não há cura definitiva para a caspa. A caspa é  causada pela presença de um fungo que ocorre naturalmente, o Malassezia globosa. Quando o Malassezia decompõe o sebo no couro cabeludo, ele produz ácido oleico. Esse ácido provoca irritação em couros cabeludos sensíveis. E, apesar de não existir cura, existem medicamentos que controlam os sintomas. Nesses casos, o aconselhável é procurar um médico tricologista para indicar os melhores tratamentos.

A boa notícia é que é possível minimizar o aparecimento da caspa mudando pequenos hábitos do dia a dia. Para diminuir a produção de oleosidade do couro cabeludo, inclua o uso de um shampoo anticaspa na sua rotina de cuidados. Esse tipo de shampoo tem pH balanceado e fórmula enriquecida com piritionato de zinco, um poderoso agente que combate a seborreia, a bactérias e ao fungo Malassezia, causador da caspa.

Os cuidados abaixo também ajudam a diminuir o excesso de oleosidade e evitam que o couro cabeludo se torne o ambiente ideal para a proliferação do fungo:

  • Evite a ingestão de alimentos gordurosos e bebidas alcoólicas;
  • Prefira tomar banhos mornos ou frios e enxugue bem os cabelos;
  • Não durma de cabelo molhado;
  • Enxágue bem os cabelos após lavar com shampoo e condicionador.