BLOG DA VIZCAYA / Tratamento  / Oleosidade  / Cabelo mais oleoso que o normal: 8 hábitos que aumentam a oleosidade
25 jan

Cabelo mais oleoso que o normal: 8 hábitos que aumentam a oleosidade

cabelo mais oleoso que o normal Vizcaya

O cabelo oleoso geralmente ocorre devido à produção excessiva de sebo pelo couro cabeludo. As glândulas nas raízes do cabelo podem secretar mais sebo, resultando em raízes oleosas, fios gordurosos e até mesmo caspa com oleosidade. No entanto, algumas pessoas tendem a ter o cabelo mais oleoso que o normal. Isso acontece por diversas razões. 

Nós da Vizcaya contaremos porque os fios tendem a ser mais oleosos que o normal. Confira logo abaixo! 

8 razões que deixam o cabelo mais oleoso que o normal

Quem tem o cabelo mais oleoso que o normal pode ser motivado por questões mais sérias, como fatores genéticos e estresse, ou mais simples, como alguns hábitos no dia a dia. Veja quais são eles:

1. Lavar o cabelo com água quente

O hábito de lavar os cabelos com água quente tem um impacto significativo na nossa saúde capilar. Se você é fã de banhos quentes, saiba que o vapor e a água quente podem remover a umidade e os óleos naturais do couro cabeludo

Esse processo leva as glândulas sebáceas a produzirem mais óleo para compensar, resultando em cabelos oleosos em pouco tempo.

Uma dica para evitar esse ciclo é reduzir a temperatura da água para morna durante a lavagem dos fios. Isso pode levar a uma diminuição na produção de óleo pelas glândulas sebáceas, resultando em cabelos menos oleosos e com menos brilho. 

cabelo mais oleoso que o normal

Reprodução: Pinterest

2. Usar frequentemente aparelhos térmicos 

Muitas pessoas associam o uso frequente do secador e da chapinha a danos nos cabelos, como ressecamento e pontas danificadas, devido ao calor que esses aparelhos geram. 

No entanto, é importante entender que esses equipamentos podem ter um efeito semelhante ao causado pela água quente nos cabelos.

A aplicação excessiva de calor no couro cabeludo pode resultar em ressecamento e estimular a produção exagerada das glândulas sebáceas. 

Para evitar esses danos, é indicado evitar temperaturas muito altas ao usar esses aparelhos e não negligenciar o uso de um bom protetor térmico, como o Leave In Multi Frizz Control da Vizcaya

Ele se destaca como um excelente companheiro para proteger os cabelos, já que possui proteção térmica e assegura defesa contra o calor de até 230º C. 

3. Escolher produtos errados

A escolha errada de produtos, especialmente o shampoo, pode atrapalhar no controle da oleosidade capilar. Produtos muito hidratantes ou com formulação rica em óleos devem ser evitados por poderem intensificar a oleosidade na raiz e ao longo dos fios. 

É fundamental optar por um shampoo de limpeza profunda, pois esse tipo de produto ajuda a remover resíduos do couro cabeludo, promovendo o equilíbrio na produção de óleo. 

O Shampoo Deep Cleansing da Vizcaya, por exemplo, consegue eliminar resíduos e impurezas dos fios de maneira eficiente, sem causar danos. 

Isso porque sua fórmula é única e enriquecida com extrato de mirra e agentes desmineralizantes, promovendo a restauração da maciez, maleabilidade e brilho aos cabelos. 

4. Mexer nos cabelos constantemente

Se você tem o hábito de ficar mexendo frequentemente no cabelo, saiba que isso pode contribuir para deixá-lo mais oleoso. 

O toque constante transfere o calor e a oleosidade das mãos para os fios capilares. O mesmo princípio se aplica ao rosto. Portanto, é recomendável evitar tocar em excesso na pele e nos cabelos. Se controle para manter a oleosidade sob controle!

👉 Cabelos oleosos no verão: 9 dicas para combater a oleosidade!

5. Aplicar condicionadores e máscaras no couro cabeludo

Aplicar condicionadores ou máscaras na raiz pode aumentar a oleosidade do cabelo. Um erro comum entre aqueles que têm cabelos oleosos é utilizar condicionador, máscara e óleos no couro cabeludo.

Isso contribui pela obstrução dos poros e resulta em uma produção excessiva de sebo. A orientação é aplicar esses produtos ao longo do comprimento e nas pontas dos fios, evitando a região da raiz. 

Mesmo para cabelos oleosos, é essencial não deixar de usar condicionadores, máscaras e outros produtos de tratamento, uma vez que esses cabelos também necessitam de hidratação, nutrição e reconstrução para manter a saúde e a beleza.

Portanto, siga as instruções das embalagens, caso elas indiquem que não é recomendado passar o produto no couro cabeludo.

cabelo mais oleoso que o normal

Reprodução: Pinterest

6. Dormir com os cabelos molhados

Dormir com os cabelos molhados pode deixar o cabelo mais oleoso que o normal. Pela rotina corrida, é comum lavar o cabelo à noite quando há um tempo disponível. 

No entanto, ao se deitar sem os fios completamente secos pode favorecer o aumento da oleosidade, podendo resultar em problemas como caspa, queda capilar e mau odor. 

Uma sugestão valiosa é lavar os cabelos pela manhã, permitindo que sequem naturalmente ou assegurando que estejam completamente secos antes de se deitar à noite. Essa prática ajuda a manter a saúde dos fios e a evitar problemas decorrentes da umidade excessiva.

👉 Mito ou verdade: saiba se dormir com o cabelo preso faz mal!

7. Não limpar a escova de pentear o cabelo

Não limpar a escova corretamente pode deixar o cabelo mais oleoso que o normal. Isso porque se a escova contiver resíduos de produtos antigos ou mesmo da oleosidade que já foi removida, isso pode prejudicar o resultado desejado. 

Portanto, é recomendável limpar a escova diariamente antes de usá-la nos fios. Basta um pouco de água para uma limpeza rápida, mas é aconselhável remover as impurezas com um pouco de shampoo pelo menos uma vez por semana. 

Essa prática simples contribui para garantir que a escova esteja sempre limpa e livre de resíduos, permitindo uma higiene eficaz dos cabelos.

8. Fazer penteados de cabelo muito apertados

Evite fazer penteados de cabelo muito apertados, como rabos de cavalo, coques e tranças muito justos. Essa prática pode favorecer o acúmulo de óleo, especialmente na região do couro cabeludo, resultando em uma aparência mais rápida de cabelo oleoso. 

Portanto, é aconselhável evitar tensões excessivas nos fios ao prender o cabelo, proporcionando um cuidado mais equilibrado e evitando o aumento da oleosidade.

Agora que você sabe o porquê de ter o cabelo mais oleoso que o normal. Lembre-se que os produtos da Vizcaya oferecem diversos benefícios para os seus fios, já que também possuem água termal em suas fórmulas!