mitos capilares: desvendamos 7 mitos capilares que você precisa saber!

Mulher com toalha na cabeça espantada

Alguns mitos capilares já viraram parte do nosso dia-a-dia. Você por acaso já ficou em dúvida se shampoo a seco substitui o shampoo comum? Ou já teve a impressão de que a hidratação de salão é mais poderosa do que a caseira? Pois bem, desvendamos esses e outros mistérios que envolvem os tratamentos capilares.

Mitos capilares e rótulos

Antes de confiar nestes mitos, nossa primeira dica para desvendar um mito capilar é: “leia sempre o rótulo dos produtos”. Você vai perceber que os mitos capilares podem ser desvendados quando lemos a embalagem do produto.

Shampoo a seco substitui as lavagens comuns.

Shampoos a seco não substituem as lavagens comuns, uma vez que o produto funciona como uma “maquiagem” para os cabelos. Com uma substância capaz de absorver a gordura do cabelo, o produto “chupa” a oleosidade dos fios, mas deixa resíduos na raiz. Usar shampoo a seco frequentemente e a longo prazo pode ocasionar o aparecimento de caspa, uma vez que esses resíduos se acumulam no couro cabeludo. Por isso, use o shampoo a seco apenas em situações emergenciais, ok? Está mais do que comprovado do que shampoo a seco não substitui as lavagens comuns. Esse é um mito capilar dos grandes.

Menina ruiva sorrindo e mexendo no cabelo

Tratamento de queratina endurece os fios.

A melhor resposta é “depende”. O tratamento de queratina só deixa os fios endurecidos se for feito em cabelos que não precisam da proteína. Para verificar se os fios precisam de queratina analise se os cabelos estão elásticos ou ásperos. Fique atenta: geralmente fios descoloridos precisam de maior reposição de queratina.

Todas as máscaras de tratamento são iguais.

As máscaras possuem diferentes ativos não por acaso. Elas devem ser separadas em três diferentes tipos: hidratação, nutrição e reconstrução. E cada uma atende necessidades específicas do cabelo.

As máscaras hidratantes, como o próprio nome diz, repõem a água perdida dos fios e entre os principais ingredientes estão ativos como vitaminas, glicerina e aloe vera.

As máscaras nutritivas repõem ativos perdidos durante processos químicos, como descoloração, ou até mesmo por causa de agentes naturais, como sol e vento. Geralmente esse tipo de máscara contém fórmulas ricas em óleos e manteigas, como argan e karité.

Finalmente, as máscaras de reconstrução são feitas à base de queratina, colágeno ou arginina, por exemplo. Esse tipo de tratamento repõe a massa dos fios e sela as cutículas, evitando que o cabelo fique fino, fraco e poroso.

Protetor solar capilar deixa os fios oleosos.

Esse mito capilar tem origem antiga, quando os filtros solares ainda eram sinônimo de oleosidade. O produto já aparece em versões leave-in, spray e creme e não deixará os seus cabelos oleosos se você aplicar na medida correta e evitar a raiz do fios.

Se você tem os cabelos finos, e tem receio de deixá-los pesados, a melhor opção é a versão em spray.

Cloro de piscina deixa os cabelos esverdeados.

O que deixa seu cabelo verde não é o cloro e sim o sulfato de cobre, utilizado na limpeza das piscinas. Nos cabelos loiros, ele consegue penetrar e reagir com a queratina natural do cabelo, formando uma pigmentação esverdeada. Para evitar o problema, aplique um leave-in antes de entrar na piscina. Se o problema já apareceu, invista em shampoo antirresíduos e hidratação para retirar a coloração estranha dos cabelos.

Mulher lavando cabelo no salão

Tratamento só é bom se feito no salão.

Entre os mitos capilares, talvez esse seja o mais comum! Na verdade, os tratamentos dos cabelos devem ser feitos regularmente, seja no salão ou em casa. No salão de beleza os profissionais calculam o tempo de ação de cada produto, lavam o cabelo na temperatura ideal, massageiam os fios da maneira certa e finalizam o procedimento conforme o indicado na embalagem. Todo esse procedimento, claro, faz a diferença – mas não é nada que você não possa replicar em casa.

Usar sempre os mesmos produtos vicia os cabelos.

Depois de algum tempo usando determinado shampoo ou máscara, os cabelos pararam de responder ao tratamento? Isso acontece porque os fios já receberam do produto os nutrientes que precisavam – e não porque o cabelo está “viciado”. O ideal é utilizar produtos que atendem às necessidades dos cabelos – que mudam de tempos em tempos. Resumido: usar sempre os mesmos produtos não deixa os cabelos viciados, esse é só mais um dos mitos capilares.

Você possui alguma dúvida sobre tratamentos e cuidados de beleza? Quais os maiores mitos capilares que você já escutou? Compartilhe com a Vizcaya!

 

Vizcaya

Deixe uma resposta